• Desvendando os Astros

Casas astrológicas: como descobrir em quais áreas da sua vida estão suas principais oportunidades e


Olá, ser de luz! Talvez você já tenha se questionado porque tudo parece tão fácil na sua vida profissional, enquanto sua vida amorosa vai de mal a pior. Ou até mesmo porque você trabalha tão duro e mesmo assim o dinheiro vem com tanta dificuldade. É possível que estas e outras tendências estejam apontadas no seu mapa astral.


O entendimento das casas astrológicas do seu mapa pode te ajudar a identificar justamente o tipo de energia que flui em cada uma das áreas da sua vida, permitindo identificar em quais setores estão suas principais oportunidades e desafios.


Este post tem o intuito de te ajudar a se conhecer um pouco mais através do entendimento das casas do seu mapa. Porém, tenha em mente que o entendimento do Mapa Astral vai muito além da simples leitura dos planetas e signos pelas casas e, por isso, não hesite em pedir ajuda a um profissional caso você tenha dúvidas a respeito do seu mapa.


Mas primeiro, o que são Casas Astrológicas? Elas correspondem a divisão do Mapa Astral em 12 partes feita através de cálculos geométricos utilizados pela Astrologia, tendo como base as coordenadas geográficas terrestres do nosso local (cidade) de nascimento.


Ao analisar o seu mapa, preste atenção aos signos que você tem em cada uma das casas e se existem planetas dentro delas. Os assuntos relacionados a cada casa recebem a influência tanto destes planetas (caso houver) e do signo específico que você tiver posicionado na casa. Veja abaixo o significado de cada uma das casas.

O significado das 12 casas


CASA 1 ou ASCENDENTE: reflete a sua personalidade, o seu Eu, seu corpo físico, aparência e imagem. É como você se expressa e como você é visto pelos demais. Palavra-chave: “EU SOU”.


Se esta casa do seu mapa receber energias harmoniosas, você pode demonstrar coragem, autoridade, dinamismo, vitalidade, espontaneidade e iniciativa. Se a influência das energias forem negativas, você pode se expressar de forma agressiva, impaciente, impulsiva, autoritária e ter dificuldade de expressar sua individualidade e independência.


CASA 2: dinheiro, valores, posses, recursos, como se ganha e como se gasta dinheiro. Palavra-chave: “EU TENHO”.


Com uma casa 2 harmônica, normalmente temos facilidade para ganhar dinheiro. Temos bom senso a respeito dos nossos valores e sabemos valorizar e desfrutar de forma equilibrada de tudo o que temos. No entanto, se esta casa estiver em desequilíbrio, podemos ter muita dificuldade em lidar/organizar as próprias finanças. Podemos nos tornar excessivamente ambiciosos e possessivos e consequentemente ver nosso fluxo de prosperidade comprometido.


CASA 3: comunicação, educação básica, irmãos, primos, colegas e vizinhos, pequenas viagens, pensamento e intelecto, dia a dia, automóveis, comércio. Palavra-chave: “EU PENSO”.


Se a casa 3 estiver em harmonia no mapa, acabamos tendo facilidade em nossos relacionamentos sociais, desenvolvemos habilidades comunicativas com facilidade e podemos ter uma mente ágil, além de facilidade nos estudos. Se a energia que flui por esta casa é desarmônica, podemos ter problemas de comunicação, dificuldade de concentração e de relacionamento com as pessoas do nosso entorno social, principalmente irmãos.


CASA 4 ou FUNDO DO CÉU: família (de origem ou atual), lar, imóveis, mãe, raízes, bases emocionais e psicológicas, passado. Palavra-chave: “EU SINTO”.


Quem tem essa casa em harmonia no mapa costuma apresentar instinto maternal, muita sensibilidade e intuição. A relação com a família tende a ser positiva e pode haver muita proximidade com os pais, especialmente a mãe. Já se está casa tem sua energia comprometida, podemos sofrer constantemente pelo passado, sofrer com desequilíbrio e insegurança emocional, além de ter dificuldade nos relacionamentos familiares.


CASA 5: filhos, namoro, prazer, lazer, criatividade, expressão e brilho pessoal, romances e paqueras, criatividade, artes, jogos, esportes, investimentos financeiros. Palavra-chave: “EU CRIO”.


Sua criatividade e autoestima dependem muito de como esta casa estiver posicionada no seu mapa. Se ela estiver em harmonia, o poder criativo, o afeto, a autoestima e o prazer pela vida são expressos com facilidade. A relação com crianças e filhos também está intrínseca a esta casa. Se existem energias conflitantes nesse setor, a relação com os mesmos pode ser desafiadora, além de existir a possibilidade de surgir problemas relacionados a vaidade, autoritarismo, exibicionismo, egocentrismo e orgulho.


CASA 6: trabalho (subordinado), hábitos e rotina, saúde, serviço, funcionários e subordinados, deveres, animais de estimação. Palavra-chave: “EU DISCRIMINO”.


Quando a casa 6 é harmônica, costumamos ter boa saúde, lidamos com nossa rotina de forma positiva e prática e podemos ter facilidade no trabalho. Se existem conflitos no mapa envolvendo esta casa, podemos nos tornar excessivamente críticos, preocupados e céticos. O ambiente de trabalho pode ser conflituoso, com muitos desentendimentos com superiores e empregados além de instabilidades no trabalho. A saúde também pode ser comprometida, havendo pouca vitalidade.


CASA 7 ou DESCENDENTE: o outro, o cônjuge, sócios ou parceiros, contratos, relacionamento sério, casamento, divórcio. Palavra-chave: “EU ME RELACIONO”.


As pessoas que tem essa casa em equilíbrio em seu mapa normalmente tem um bom senso de cooperação e desenvolvem bons relacionamentos e parcerias, baseados em companheirismo e respeito mútuo. Já se esta casa estiver em desarmonia, podem surgir desafios nas parcerias, relacionamentos e no casamento. Pode ser difícil entender o relacionamento como uma mão de via dupla onde é preciso haver comprometimento e flexibilidade na forma de ser para preservar a saúde da relação.


CASA 8: cura, transformação, renascimento, intimidade, sexo, ocultismo, investigação, morte, herança, empréstimos, dívidas, financiamentos, dinheiro do outro, cirurgias, desapego, sombras. Palavra-chave: “EU ME TRANSFORMO”.


Com esta casa em harmonia no mapa, lidamos bem com qualquer tipo de desapego, além de desenvolvermos grande força de regeneração ao lidar com qualquer dificuldade da vida. Podemos nos inclinar bastante a pesquisas e ao estudo de ciências ocultas e holísticas. Enxergamos nossas transformações como processos importantes para nossa evolução. No entanto, se esta casa estiver em desarmonia no mapa, podemos nos tornar rancorosos, manipuladores, ciumentos, obsessivos e cruéis. Podemos nos tornar muito resistentes a qualquer tipo de mudança, nos tornando excessivamente apegados. Problemas de sexualidade também podem estar relacionados a desequilíbrios desta casa.


CASA 9: idealismo, fé, religiosidade, leis, estudo superiores (faculdade, pós graduação), concursos, vestibulares, viagens de longa duração, viagens internacionais, intercâmbios, filosofias de vida. Palavra-chave: “EU ASPIRO”.


Uma casa 9 harmônica pode nos trazer um ar filosófico, idealista, além de fé, entusiasmo e uma personalidade expansiva. Pode haver muito gosto por viagens e interesse por culturas estrangeiras, além de muita fome de conhecimento. Se receber influências desafiadoras, tendemos a ser exagerados, fanáticos e podemos ter dificuldades em viagens longas e na vida acadêmica.


CASA 10 ou MEIO DO CÉU: direcionamento de vida, metas, profissão, carreira, status social, patrão ou superiores, pai, sucesso e realizações, aptidões vocacionais. Palavra-chave: “EU ME PROJETO”.


Quando a casa 10 do mapa está bem equilibrada podemos experienciar muito sucesso e prestígio, tanto na carreira, como no meio social. Podem surgir muitas oportunidades para crescimento e promoção no trabalho. Já se esta casa estiver desarmoniosa no mapa, podemos nos tornar workaholics e excessivamente ambiciosos. Podem surgir muitos conflitos com superiores e pessoas de poder e isso pode dificultar as oportunidades para crescimento profissional, causando muitas frustrações na carreira.


CASA 11: amizades, grupos sociais, projetos futuros, altruísmo, fraternidade, vida social, interesses humanitários e coletivos, filhos adotivos. Palavra-chave: “EU PARTICIPO”.


Quem tem a casa 11 do mapa em harmonia é tipicamente uma pessoa de muitas amizades. A pessoa costuma ser bem recebida onde quer que vá, e os amigos são um grande tesouro. Essas pessoas dificilmente ficam desamparadas, porque sempre podem contar com a ajuda dos amigos em qualquer circunstância. O senso de altruísmo e solidariedade também pode ser bastante elevado e a pessoa pode ter muita sorte em seus projetos futuros. No entanto, se esta casa estiver desarmônica no mapa, podemos sofrer com inimizades e sentir grande dificuldade de socialização e integração em grupos sociais. Podem existir muitos impedimentos ou faltar determinação para a concretização dos projetos futuros.


CASA 12: espiritualidade, isolamento, medos, subconsciente, hospitais, asilos, prisões, casas de cuidado e reabilitação, instituições de caridade, sombras ocultas, mundo astral, misticismo. Palavra-chave: “EU ME ISOLO”.


Quem tem a casa 12 em harmonia no mapa geralmente se torna uma pessoa caridosa e compassiva. Essas pessoas também podem se tornar muito espiritualizadas. É muito comum apreciarem o isolamento para se conectarem consigo mesmas. Por outro lado, se esta casa estiver em desarmonia, podemos nos tornar extremamente céticos e criar uma grande aversão ao universo sutil que nos circunda, podendo haver muitos medos e apreensão, especialmente daquilo que é oculto. Podemos sofrer com vícios, adotar comportamento de vitimização e ainda ter muito medo da solidão, o que pode criar uma dependência afetiva muito grande dos outros.

Agora que você já sabe o significado de cada uma das 12 casas astrológicas, vamos aprender a identificá-las no seu mapa astral


Primeiramente, você irá precisar do seu mapa. Caso você nunca tenha feito o seu mapa ou não o tenha mais disponível, você pode gerar um novo mapa gratuitamente no Astro.com inserindo as suas informações de nascimento. Este site faz o cálculo automático do horário de verão, portanto coloque a hora de nascimento exata que consta na sua certidão. Feito isso, você terá um mapa semelhante ao mapa da imagem abaixo (usamos o Mapa Astral da Beyonce como exemplo):


O signo Ascendente, normalmente marca o início da primeira casa e é responsável por delimitar o posicionamento das demais casas de um mapa. Note que a Beyonce tem Ascendente em Leão, portanto ela tem Leão na casa 1 e a partir daí as demais casas vão seguindo a ordem dos signos, com Virgem na casa 2, Libra na casa 3 e por aí vai até chegarmos na casa 12, onde ela tem o signo de Câncer.


As linhas que saem do centro do mapa e tocam os signos são o que chamamos de cúspides das casas. Então se você tem a cúspide (linha) de uma determinada casa cortando em um determinado signo, isso significa que você tem aquele signo naquela casa. Isto quer dizer que você de uma forma ou outra, acaba vivenciando a energia daquele signo naquela área da sua vida.


Observe mais uma vez o mapa da Beyonce. Note que ela tem a cúspide da casa 4 cortando em Escorpião. Isso indica que ela acaba lidando com os assuntos do lar e de família de uma maneira Escorpiana, ou seja, de forma profunda, intensa e mais reservada. Vocês já perceberam que, mesmo com toda a exposição que ela é submetida, ela ainda acaba mantendo sua vida doméstica bem privada? Escorpião nesta casa acaba fazendo com que a ligação com a família seja muito emocional, mas ao mesmo tempo bastante íntima. Esse foi apenas um exemplo prático para você entender melhor. Use esta mesma lógica para entender melhor o seu mapa.


Se você chegou até aqui, acredito que você já deve ter um entendimento bem melhor sobre as casas astrológicas e o próprio mapa astral em si, não é mesmo? Mas se o assunto ainda estiver muito confuso na sua cabeça e ainda for difícil para você entender o seu mapa como um todo, não hesite em pedir ajuda. Você pode agendar uma consulta para leitura do seu mapa astral clicando aqui.


E aí, gostou do post? Ainda ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário abaixo nos dizendo o que você achou ou fazendo uma pergunta. Aproveite e compartilhe este post com seus amigos e lembre-se de nos acompanhar nas nossas redes sociais para ficar por dentro de todas as nossas novidades. Conheça já nosso Instagram, Facebook, e canal do YouTube!


Namastê, Marcos

#astrologia #casasastrológicas #as12casasastrológicas #mapaastral

Desvendando os Astros

Autotransformação e despertar espiritual

guiados pelo autoconhecimento

  • Facebook Desvendando Astros
  • Instagram Desvendando Astros
  • YouTube Desvendando Astros

e fique por dentro de todas as nossas novidades e promoções! 

Cadastre seu e-mail