• Sabrina dos Santos

Amizade e espiritualidade: como ser um bom amigo.

Nossa alma nasce nesse mundo dentro da família mais adequada para nosso processo evolutivo. Essa família pode ser amorosa e cheia de carinho, como também pode nos apresentar dificuldades e laços karmicos a serem resolvidos, porém sempre será exatamente aquela que nossa alma necessita para aprender valiosas lições e continuar sua jornada.


Porém, o Universo também nos presenteia com algumas pessoas ao longo da vida que, mesmo não fazendo parte de nossa família de sangue, também são fundamentais para a nossa caminhada. São a nossa família de alma. Nossos amigos.


Pense agora por alguns instantes nas pessoas que você escolheu para compartilhar as mais diferentes fases da vida. Reflita sobre a importância de todas elas em sua caminhada. Lembre-se do quanto já aprendeu com cada uma. Mesmo que elas sejam presenças diárias, amigos que moram longe e até que já estão em outros planos. Todas chegaram até você por algum motivo muito importante.


Atraímos amigos para a nossa vida a partir da Lei do Semelhante. Basicamente, todas as pessoas que chegarem até você estarão respondendo a uma vibração que você emana. Então se você tem bons amigos, fiéis, sinceros e cheio de amor, é porque, em algum momento de sua vida, você emanou esses sentimentos.


Mas se as pessoas que estão próximas de você apenas te despertam sentimentos ruins, como a inveja e a raiva, reflita o porquê de ter atraído esse tipo de energia para o seu campo. Mesmo essas pessoas têm algo a lhe ensinar. Mesmo esses sentimentos ruins têm algo a dizer sobre quem você está sendo nesse momento.


Sendo assim, como diria o mestre Yogananda, para ter bons amigos, você precisa manifestar qualidades de um amigo verdadeiro. Quanto mais se mostrar amigável, sincero e de coração aberto, mais atrairá as amizades verdadeiras em sua vida.


A AMIZADE E O AUTOCONHECIMENTO


Sri Prem Baba certa vez disse que se a vida é uma escola, os relacionamentos são a universidade. Isso porque cada vez que precisamos nos relacionar com outras pessoas, sejam essas relações amorosas ou não, entramos em contato com verdades profundas sobre quem realmente somos.


Na convivência com outro podemos, algumas vezes, viver situações em que nosso ego se manifesta com sentimentos como apego, raiva e ciúme, nos proporcionando um convite a compreender o porquê de tudo isso ainda estar dentro de nós.


Ame as pessoas, mas não se apegue a elas. Ninguém pertence a ninguém. Alguns bons amigos nos acompanham durante toda a vida. Outros cruzam nossos caminhos apenas por um breve período de tempo, o que não quer dizer que sejam menos especiais. Não se magoe por isso, não sinta ciúmes, não tenha raiva. Deixe as pessoas livres para que possam seguir seus propósitos e assim evoluírem e conquistarem seu autoconhecimento também. Procure estar presente e viver cada momento de maneira única sendo útil aos que estão por perto, assim você lembrará com gratidão de todas as pessoas que já conheceu.


Cada uma de nossas amizades é uma oportunidade de autoconhecimento. Um convite para evoluir. Quando aceitamos esse convite, crescemos como almas e seres humanos e podemos construir verdadeiras amizades espirituais para além dessa existência.


O bom amigo deixa de lado sua arrogância, apego e teimosia e aprende com as lições vividas. Assim, aos poucos vai deixando de ver os outros com separação e os compreende como almas irmãs. Integrantes de um todo divino do qual também faz parte.


É PRECISO AMAR OS INIMIGOS


Quando falamos sobre amor ao próximo, logo nos vem à mente os ensinamentos do mestre Jesus. O amor de Cristo era incondicional, ou seja, não apresentava distinção. Amava da mesma maneira àqueles que o queriam bem e os que não queriam e é esse o rumo para o qual devemos sempre procurar caminhar.


Não há maneira mais grandiosa de responder uma pessoa do que com o amor. Entendo que muitas vezes isso pode parecer impossível e o impulso de responder com palavras feias e violência se mostra quase incontrolável. Mas se essa é a sua vontade quando briga com alguém, reflita a respeito do que isso ensina sobre você.


Como ofendemos as pessoas diz muito mais sobre quem somos do que sobre elas. Evite tudo que possa prejudicar alguém, pois, através da Lei da Ação e Reação, atraímos tudo o que emanamos. Prejudicar alguém apenas fará de você o maior prejudicado.


O sábio busca o perdão e o amor incondicional. Se ainda não tiver boas palavras que ensinem e perdoem ao invés de agredir, apenas não diga nada. Procure a melhor maneira de trabalhar a revolta e a raiva que ainda possam existir dentro de você. Quanto menos emanar esses sentimentos, mais o amor e o entendimento substituirão a violência em sua vida.

​A AMIZADE VERDADEIRA



Com a cura de nossos sentimentos inferiores e a abertura de nosso coração para o perdão e o amor incondicional, passamos a ver a nós mesmos em todas as pessoas, conhecidas e desconhecidas e a amizade começa a fluir livremente a partir do olhar, de conversas engrandecedoras e do serviço desinteressado.


Aquele que é amigo de todos busca sempre servir e ser útil a tudo o que o cerca, tanto às pessoas quanto aos animais e a natureza.


Comece a colocar isso em prática com as pessoas que estão em sua vida. Aproxime-se delas sem querer nada em troca, cultive o autoconhecimento e busque compreender as leis universais e essa Grande Energia de amor que permeia tudo. Dessa maneira você atrairá para a sua vida almas buscadoras, para que juntos vocês possam buscar o crescimento espiritual.


Citando novamente Yogananda: “a amizade é o mais puro dos amores.” Nela não existe compulsão alguma. Amar é servir e a amizade é a demonstração desse serviço mútuo. Seja amigo dos seus amigos, escute-os, esteja disposto a ajudar. Assim, vocês transcenderão esse mundo para uma amizade divina e eterna, até que todos consigamos nos compreender como um só novamente.

_____________________________________________________________


E aí, gostou do texto? Ele te fez pensar em algum amigo? Compartilhe esse post com pessoas especiais para que elas também possam ter essa reflexão!


E para mais papos sobre espiritulidade e autoconhecimento, além de previsões astrológias e posts inspiradores, nos siga nas redes sociais através do nosso Instagram, Facebook e Youtube.


Te vejo por lá!


Namastê,

Sabrina.


Referências e sugestões de leitura:

Amar e Ser Livre – Sri Prem Baba

A Espiritualidade nos Relacionamentos – Paramahansa Yogananda

#autoconhecimento #espi #amizade

Desvendando os Astros

Autotransformação e despertar espiritual

guiados pelo autoconhecimento

  • Facebook Desvendando Astros
  • Instagram Desvendando Astros
  • YouTube Desvendando Astros

e fique por dentro de todas as nossas novidades e promoções! 

Cadastre seu e-mail